sábado, 17 de maio de 2008

As dores e os prazeres de uma das cantoras mais populares do país


Cantar
"Canto porque é uma coisa que me acontece. Parafraseando Clarice Lispector, acrescento: Não me preocupo em entender, cantar ultrapassa o entendimento."

Vendendo muitos discos

"No fundo, vender ou não vender é uma temperatura que meus termômetros não medem. Minha febre está consignada nas canções que faço ou que gosto. Repetindo: faço aquilo que gosto. Se estou no caminho certo? 'Meu caminho é meio perdido, mas que perder seja o melhor destino'."

As dores e os prazeres do sucesso
"As dores: ser engressada pelas canções que tocam no rádio (penso que minhas melhores canções não fizeram sucesso, com exceção de "Carvão"); ser decodificada pelos outros e tentar sempre desconstruir a imagem que fazem de mim; não ser entendida por alguns em meus propósitos; ser julgada por uma crítica muitas vezes medíocre que fazem no Brasil - inclusive com alguns críticos que querem se fazer em cima de nós, artistas. As delícias: ser entendida por alguns em meus propósitos, o tesão que é brincar com a 'persona palco', tocar no rádio."

Fãs

"É lógico que tem fã chato que implica com tudo, te encontra na rua e já acha que é teu dono, que te conhece mais que você mesmo. Não gosto muito de gente que invade, não. No dia-a-dia, prefiro privacidade."

Amor
"O amor pelo outro é o amor por si própiro. Você ama o que tem de seu no outro. Claro que é ridículo! Mas é bom pra caralho."

A crítica
"Quando vejo que o cara está criticando mal pra aparecer e fazer piadinha íntima com seus amiguinhos, fico puta. Mas quando é uma crítica, sem a tal da implicância, fundamentada, feita por quem conhece o trabalho e sabe o que está dizendo, não só gosto como escuto e respeito."

Fonte: Revista Rolling Stones, mês de maio

5 comentários:

Anônimo disse...

porra Ana! vc é fóda mesmo,fala sempre que está senti não importar p/ quem ,sempre verdadeira né ? o importante são as canções,sues poemas e clara suas letras pow!vc arrasar e sua voz também nem fala, os verdadeiros fãs ter admira por isso ,nós fãs não queremos sabe se vc está pegano homens ou mulheres queremos vê vc feliz p/ compôr músicas que mexer c/ os nosso sentimentos ,continue assim simples e atensiosa com sues fãs e principalmente compôno músicas e cantano maravilhosas(vai,aqui,só fala em mim e agora eu nunca te amei idiota)nossa! foi p/deixar ir bem longe meus parabéns ,bjs de sua fã de hoje e de sempre (Deise),importante é ser feliz!!!!

deise disse...

porra Ana! vc é fóda mesmo,fala sempre que está senti não importar p/ quem ,sempre verdadeira né ? o importante são as canções,sues poemas e clara suas letras pow!vc arrasar e sua voz também nem fala, os verdadeiros fãs ter admira por isso ,nós fãs não queremos sabe se vc está pegano homens ou mulheres queremos vê vc feliz p/ compôr músicas que mexer c/ os nosso sentimentos ,continue assim simples e atensiosa com sues fãs e principalmente compôno músicas e cantano maravilhosas(vai,aqui,só fala em mim e agora eu nunca te amei idiota)nossa! foi p/deixar ir bem longe meus parabéns ,bjs de sua fã de hoje e de sempre (Deise),importante é ser feliz!!!!

Anônimo disse...

Ana Carolina é inegavelmente uma excelente musicista...mas como ser humano é muito antipática.

Anônimo disse...

Ana � antipatic�ssima por tr�s das c�meras. Quando come�am a grava�o ela muda da �gua pro vinho, a� fica sorridente. Outra coisa, ela s� � simp�tica com as pessoas que v�o no camarim se elas forem famosos...se for um(a) an�nimo(a) ela n�o trata com simpatia, pelo contr�rio � seca e at� r�spida com o(a) f�.
M�rcia N

Anônimo disse...

Ana,você é muito contraditória, vive dizendo que não suporta invasão de privacidade, mas por outro lado vive dizendo que quer pegar fulano ou fulana, ou seja, vive expondo sua vida sexual. Isso não é postura de alguém que queira privacidade. Pense nisso.

Fátima